Blog

Qual diploma mais fácil para comprar?

A quantidade de pessoas que não têm condições de terminar os seus cursos e receber um diploma é muito maior do que qualquer um pode pensar.

São indivíduos que sofrem com muitas variáveis que os impedem de ter o tão desejado certificado de conclusão de qualquer curso, podendo ser ele técnico, ensino médio, ensino fundamental ou até de cursos superiores.

Inclusive, as pós-graduações também fazem parte dos tipos de cursos que uma boa parcela da população não consegue finalizar.

Entretanto, o que fazer quando se precisa muito do diploma para dar continuidade aos estudos?

E quando as oportunidades profissionais só aparecem quando se tem um certificado de conclusão?

É nesse contexto que a compra do diploma acaba sendo vista como uma opção e, de fato, o mercado de trabalho e o segmento acadêmico têm aceitado muitos desses diplomas, desde que eles sejam aprovados pelo Ministério da Educação (MEC).

Entenda todos os detalhes sobre a compra desse documento agora.

É possível comprar qualquer diploma?

Uma vez que a quantidade de cursos oferecidos por aí é muito grande, a quantidade de diplomas que podem ser comprados também é bastante alta.

As empresas que se dedicam a fabricar diplomas, todos com autorização do MEC, fazem os documentos para quem está em diversos tipos de cursos, desde um mestrado em uma instituição privada até o ensino fundamental em uma escola pública.

Com isso, dá para afirmar que é, sim, possível comprar qualquer tipo de diploma, sejam eles referentes a instituições privadas ou públicas.

Como é a compra de um diploma

Não importa qual seja o tipo de diploma que o estudante ou ex-estudante vai comprar, o processo costuma ser muito parecido:

  • Primeiro, selecionar a empresa, que tem de possuir permissão do MEC para gerar os documentos
  • Depois, dar todas as informações a respeito do curso que era frito e que ainda não foi finalizado
  • Realizar o orçamento
  • Se a pessoa acreditar que o diploma está custando algo razoável, fazer o pagamento

O fato de a empresa ter permissão do MEC para a emissão do diploma já acaba com um mito comum na sociedade: que só se pode ter um diploma oficial quando ele é feito pela instituição de ensino. Não funciona assim.

Na realidade, o Ministério da Educação concede a algumas empresas uma espécie de licença para que elas possam vender os diplomas de todos os tipos de escolaridade.

Sendo assim, não é verdade que os certificados de conclusão conseguidos dessa maneira são falsos! De fato, é possível que eles sejam 100% legais!

Isso significa total liberdade para que o diploma comprado seja usado em entrevistas de emprego, em posses de cargos públicos, em matrículas, etc.

Comprando o diploma em algum ligar que seja autorizado pelo MEC a emitir esse tipo de documento, acaba-se com toda a insegurança que se sente na hora de entregar esse diploma para a verificação de alguém.

Qual diploma é mais fácil de comprar?

Na realidade, nenhum diploma é fácil de comprar, já que é bastante difícil localizar alguma empresa que tenha a permissão do MEC para gerar esse documento legalizado.

No entanto, a dificuldade é ainda maior quando se procura por um diploma de ensino médio ou fundamental. Por outro lado, a enorme variedade de cursos de ensino superior e técnicos faz com que seja bem mais fácil comprar os diplomas para eles.

A existência de inúmeras instituições de ensino superior também faz com que a compra desse tipo de diploma seja um pouco menos difícil, apesar de não ser possível nomeá-la exatamente como fácil.

Os cursos mais populares, sem dúvida, são os que têm diplomas à venda por aí em maior número. Alguns são:

  • Psicologia
  • Letras
  • Educação Física
  • Matemática
  • Administração
  • Design
  • Filosofia
  • Gastronomia
  • Direito
  • Pedagogia
  • Farmácia
  • Contabilidade
  • Tecnologia da Informação
  • Artes
  • Hotelaria
  • Serviços Sociais
  • Marketing
  • Cosmética

Apesar de esses serem os cursos cujos diplomas são mais fáceis de ser comprados, não significa que os demais, inclusive os cursos técnicos, também não sejam encontrados ao se fazer contato com a empresa certa para isso.

Compra de diplomas pode salvar quem precisou parar os estudos

Dependendo do nível de escolaridade em que se estava, há muitas razões para que alguém decida não continuar o seu curso.

Normalmente, as mais comuns são:

  • Impossibilidade de pagar pelas mensalidades
  • Problemas de saúde, tanto no aluno quanto em alguém da família
  • Casamento
  • Necessidade de se mudar
  • Incompatibilidade de horários com o trabalho
  • Nascimento de filhos

Todas essas situações são apresentadas, no geral, como razões para que o curso superior, ensino fundamental, ensino técnico, ensino médio e pós-graduações não sejam finalizados.

Por isso, a compra de diplomas, desde que eles tenham a aprovação do MEC, representa a possibilidade de essas pessoas manterem a sua trajetória acadêmica matriculando-se no ciclo de educação seguinte e melhorarem a sua competitividade profissional.